Após conhecimento da  reintegração da trabalhadora corticeira, Cristina Tavares, no seu posto de trabalho, ao fim de dois despedimentos ilícitos onde também foi vitima de repressão moral, o PCP saúda a trabalhadora, valorizando toda a luta desenvolvida desde que este processo se iniciou, com o apoio do seu sindicato - SOCN, da União de Sindicatos de Aveiro e da CGTP-IN.

Ao longo deste processo, o PCP participou e apoiou as inúmeras iniciativas de solidariedade desenvolvidas, tendo levado também, através dos seus deputados, este caso à Assembleia da República bem como ao pedido de audiência ao Ministro do Trabalho e Solidariedade Social.

O PCP valoriza assim a luta desta e de todos os trabalhadores, luta que é fundamental para conquistar e garantir os seus direitos.

Aveiro, 26 de Junho de 2019
O Gabinete de Imprensa de Aveiro do PCP

Para o topo